sábado, 29 de maio de 2010

Por que ainda não temos coleta seletiva do lixo ? Alguém pode responder ?



A implantação de sistemas para a coleta seletiva de lixo é uma das soluções para a administração do problema da destinação dos resíduos sólidos urbanos, o lixo gerado diariamente nas cidades. A coleta seletiva possibilita a diminuição da quantidade de lixo enviada para aterros sanitários ou usinas de tratamento de lixo orgânico, o desenvolvimento das indústrias de reciclagem, a diminuição da extração de recursos naturais, a redução do consumo de energia e da poluição, e ainda contribui para a limpeza da cidade, para a conscientização dos cidadãos a respeito do tema e gera empregos.

A coleta e transporte do lixo de Analândia para o aterro de Guatapara tem alto custo para os cofres da prefeitura (povo) e também para a natureza, precisamos de coleta seletiva e de colocar o nosso aterro em funcionamento, até quando nossos administradores irão prorrogar a coleta seletiva do lixo ? Não é mais questão de projeto para o futuro. Teria que ser projeto prioritário.   Dados nesta postagem(abaixo), dão conta que 57% dos municípios já possuem essa coleta, e nós quando iremos ter?????? 
O caso é que em janeiro o prefeito Luisinho e o Presidente da câmara Leandro Santarpio visitaram Corumbataí , conheceram o sistema de coleta seletiva do lixo . Gostariamos de saber  que atitude foi tomada para implantar esta coleta, ou se após 5 mêses nada aconteceu.

Veja abaixo o aterro de Guatapará, local para onde vai o nosso lixo, temos que pagar transporte e o serviços do aterro.




 Analândia tem um aterro sanitário já construido, está abandonado e para nada serviu até agora , é  criatório de mosquitos e local onde morrem muitos animais. Cabe lembrar que  é local de grande desperdicio de dinheiro público, pois gastamos para construir e de nada serve.


Definição

Coleta seletiva de lixo é um processo que consiste na separação e recolhimento dos resíduos descartados por empresas e pessoas. Desta forma, os materiais que podem ser reciclados são separados do lixo orgânico (restos de carne, frutas, verduras e outros alimentos). Este último tipo de lixo é descartado em aterros sanitários ou usado para a fabricação de adubos orgânicos.



No sistema de coleta seletiva, os materiais recicláveis são separados em: papéis, plásticos, metais e vidros. Existem indústrias que reutilizam estes materiais para a fabricação de matéria-prima ou até mesmo de outros produtos.

Pilhas e baterias também são separadas, pois quando descartadas no meio ambiente provocam contaminação do solo. Embora não possam ser reutilizados, estes materiais ganham um destino apropriado para não gerarem a poluição do meio ambiente.



Os lixos hospitalares também merecem um tratamento especial, pois costumam estar infectados com grande quantidade de vírus e bactérias. Desta forma, são retirados dos hospitais de forma específica (com procedimentos seguros) e levados para a incineração em locais especiais.



A coleta seletiva de lixo é de extrema importância para a sociedade. Além de gerar renda para milhões de pessoas e economia para as empresa, também significa uma grande vantagem para o meio ambiente uma vez que diminui a poluição dos solos e rios. Este tipo de coleta é de extrema importância para o desenvolvimento sustentável do planeta.



http://www.suapesquisa.com



Coleta seletiva de lixo atinge 57% dos municípios do Brasil



Ministério das Cidades divulgou neste ano os números mais recentes do manejo de resíduos sólidos urbanos no Brasil, referentes ao ano de 2007. Com base em dados de 306 municípios, que representam 55% da população urbana, o levantamento apresentado na segunda-feira, 19 de outubro, mostra que a cobertura média de coleta de lixo nas cidades pesquisadas é de 90%. Já a coleta seletiva só chega a 56,9% dos municípios da amostra, que inclui todas as capitais e cidades com mais de 500 mil habitantes.



Cerca de 64% do lixo coletado vão para aterros sanitários, 26,6% são levados para aterros controlados – que têm estrutura melhor do que os aterros sanitários (lixões), mas onde há o trabalho de catadores – e 9,5% dos resíduos ainda são destinados para os aterros sanitários, considerados a pior solução para o destino final.



De acordo com o diretor do Departamento de Articulação Institucional do Ministério das Cidades, Sérgio Antônio Gonçalves, em muitos casos, os locais de depósito de lixo não têm autorização ambiental para funcionar. Dos 587 aterros catalogados, 46% não têm qualquer tipo de licença ambiental.



“Temos que intensificar a questão dos licenciamentos e reforçar a necessidade de gestão. Se não tiver acompanhamento, em seis meses, um aterro pode se transformar em um lixão. É preciso ter compromisso do gestor com a manutenção”, avaliou Gonçalves.



http://www.e-reciclagem.com.br

Você trabalha 5 mêses do ano para o Governo, sabia ?

Amanhã eu vou poder gastar ou mesmo guardar o dinheiro que ganhei. É isso mesmo! Nós infelizes brasileiros(neste aspecto), trabalhamos até hoje, 29 de maio, para pagarmos todos os impostos que nos são cobrados...ou roubados???? É o pais onde o contribuinte paga mais impostos do MUNDO. São exatos 148 dias no ano somente para pagar impostos. Que guloso esse governo, não acham???? Só para que você tenha uma idéia: no combustivel são 50% de impostos....espere...vamos a uma lista:


◦Aparelho de DVD (50,39%) de tributos em seu preço final;

◦Microondas (47%) de tributos em seu preço final;

◦Televisão (44,94%);

◦Geladeiras (37,88%);

◦Aparelhos de som (36,80%);

◦Torradeiras Elétricas (35,77%);

◦Ferros de passar roupa, ventiladores e liquidificadores (34,30%);

◦Copos (37,88%);

◦Lençóis (26,05%);

◦Luminárias (43,62%);

◦Panelas (35,77%);

◦Pratos (34,30%);

◦Taças (44,40%);

◦Talheres (34,30%);

◦Talhas de banho, de mesa e travesseiros (26,05%);

◦Almofadas (33,84%);

◦Colchão (28,36%).

Supermercado



◦Algumas bebidas alcoólicas como vinho (83,07%);

◦Frango (18%);

◦Carne bovina (18,67%);

◦Milho verde (37,37%);

◦Óleo e Margarina (37,18%);

◦Açúcar (40,50%);

◦Bolachas (38,50%);

◦Café (36,52%);

◦Sal (29,58%);

◦Leite Longa Vida (33,63%);

◦Achocolatado em pó (37,84%);

◦Álcool (43,28%);

◦Amaciante (43,16%);

◦Sabão em pó (42,27%);

◦Detergente, sabão em barra e saponáceo (40,50%);

◦Água sanitária (37,84%).

Produtos diversos



◦Livros (15,52%);

◦Roupas (34,67%);

◦Flores (17,71%);

◦Sapatos (36,17%);

◦Carros populares (37,55%);

◦Telefones celulares (39,80%);

◦Bolsas de Couro (41,52%);

◦Joias (50,44%).

http://www.blogdoronco.blogspot.com/

Jornalista também precisa de reciclagem

O jornal Gazeta Central circulou na edição 21 a 27 de maio com matéria do repórter Paulo Melo sob o título “Presidente se embanana e complica trabalhos da Câmara”. A reportagem, de qualidade sofrível, peca contra todos os princípios do bom jornalismo: não ouviu o outro lado, emite juízo de valor sobre a competência das pessoas e, tem todas as características de matéria paga.


A matéria começa dizendo que “infelizmente, no Brasil, nem todos os vereadores que tomam posse, sabem legislar”. A constatação é verdadeira, mas não se aplica ao personagem retratado na matéria. Alguns deputados estaduais, federais e senadores também são criticados dessa forma, quando não legislam de acordo com a conveniência daquele que estão temporariamente no poder e até pagam parte da mídia para ser subserviente.

Além disso, é preciso dizer ainda que nem todos os repórteres sabem fazer bom jornalismo. A matéria em questão é caso típico.

Enveredando por seara que desconhece, o repórter diz que “certos vereadores estão precisando passar por uma reciclagem”. O gerúndio era desnecessário. Mas, do mesmo modo, alguns repórteres também precisam de reciclagem. Especialmente quando dizem que uma lei que prima pela transparência é inconstitucional.

A lei que pretendia obrigar o município a incluir no cantinho de cada publicação o valor que ela custou aos cofres públicos nunca poderia ser considerada inconstitucional, por estar de acordo com o princípio da publicidade que norteia a Administração Pública. É conversa fiada de quem tem hábito de pagar repórteres e jornais para publicar como se fosse “notícia” as chamadas “matérias pagas”.

Duvidamos que a assessoria jurídica do município tenha dito que o projeto foi vetado por apresentar vício de iniciativa. Seria uma ignorância jurídica tão grande que deveria ser estudada pela teratologia, a ciência que estuda as monstruosidades. A assessora jurídica do município não seria tão incompetente. Desafiamos quem quer que seja a apontar com quais artigos da Constituição Federal ou da Lei Orgânica a referida lei não se coadunaria.

Duvidamos ainda que a Dra. Adriana Minholo dos Santos tenha afirmado que a matéria tratada na lei é de competência exclusiva do município. A assessoria jurídica da Prefeitura de Analândia já falhou muitas vezes, mas não acredito que esse agora seria o caso. Vale citar, apenas como exemplo, que permitiu ao município cobrar durante longo período a multa de quase 10% sobre as contas de água, quando o Código de Defesa do Consumidor prevê apenas 2%. Mas essa isso é outro caso.

Cediço que votação secreta subtrai ao eleitor, na condição de representado, a possibilidade de controlar as escolhas dos representantes, facilita-o a votação aberta, sobretudo quando haja suspeita ou risco de acordos obscuros de bastidores. É o que dizem todos que defendem a transparência. Voto secreto é instituto que só se justificava no período da ditadura. Esse câncer, se ainda consta do regimento interno da Câmara de Analândia, precisa ser extirpado. O contribuinte, que é quem paga o salário dos vereadores, tem o direito de saber como eles votam: se a favor ou contra os interesses do povo.

Ainda que tivesse agido de forma contrária ao regimento interno, o presidente da Câmara Municipal de Analândia teria agido de acordo com os mais elevados interesses públicos. Deve é ser aplaudido - e muito aplaudido - por isso.

Alegar-se que quando foi empossado, prometeu cumprir a Constituição Federal, a Constituição Estadual e a Lei Orgânica e que esse simples gesto estaria em desalinho com estas normas é de uma torpeza inaceitável. Os vereadores Ângelo Antônio Bueno, Luiz Fernando Carvalho, Demilson Kleiner, Luiz Carlos dos Santos e Antônio Cavalcante também fizeram o mesmo juramento. E está lá, na Constituição Federal, na Constituição Estadual e na Lei Orgânica que a principal função do Poder Legislativo é a de fiscalizar o Poder Executivo.

Mas fiscalizar que é bom eles não fazem. Ou seja, não cumprem todas aquelas normas. Ao contrário, se prestam ao papel de blindar a administração municipal de Analândia contra qualquer tentativa de fiscalização. E o que é ainda pior: aprovam prestações de contas sem examinar um documento sequer. Na verdade, praticam verdadeiro estelionato, porque recebem para fiscalizar, mas não fiscalizam. Devem gastar quase todo o pagamento com a compra de analgésicos para amenizar torcicolo, de tanto que balançam a cabeça para o Executivo. Como diria Boris Casoy, “isso é uma vergonha!”.

Diz a matéria que “certos vereadores devem procurar entendimento, antes de criarem qualquer tipo de projeto de lei ou tomar alguma decisão nos trabalhos da Câmara”. O conselho também vale para certos repórteres que nada questionam e fazem vistas grossas sobre as papelarias que vendem carne para prefeitura, políticos que exigem que certos funcionários lhes entreguem parte do salário ou que dão enormes prejuízos aos cofres públicos em razão de assédio moral contra servidores públicos.

Por fim, desafio o prefeito Luizinho Garbuio a abrir os processos licitatórios e as prestações de contas do município à população; assim como o repórter Paulo Melo e os vereadores Ângelo Antônio Bueno, Luiz Fernando Carvalho, Demilson Kleiner, Luiz Carlos dos Santos e Antônio Cavalcante a acompanharem comigo o exame da papelada. Esses documentos não resistem nem a meia hora de fiscalização.

Fábio Oliva

Jornalista Investigativo

Editor da Folha do Norte

Filiado à Abraji - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo

Líder Avina

Membro fundador da Asajan - Associação dos Amigos de Januária

( (38) 3083-0095, (38) 9195-7005, (38) 9943-6506

+ fhcoliva@terra.com.br

MSN: fhcoliva@hotmail.com

A que ponto chegamos ? Desperta Analândia !!!!

A Câmara dos vereadores de Analândia, poder independente ou pelo menos é o que deveria ser, simplesmente se recusou a receber uma denúncia, como se receber  fosse fato de deliberação e o que ainda agrava o caso é a postura do contador Sidnei Alcantara, o Magal, que insiste em afirmar que o prefeito não precisa mandar as notas fiscais para a Câmara, caso em que o povo já não mais aceita , o  fato agora é, queremos as notas fiscais, queremos cópias de todas na câmara e o povo não mais se calará.

O que mais denigre a imagem do Legislativo de Analândia são as ações dos próprios Edis, que a cada ato inconsequente como este se embrenham mais no emaranhado mundo da Corrupção, onde simplesmente querem negar ao cidadão o direito a informação.
Em sessão anterior, os Vereadores solicitaram documentos referentes a avenida 8, pois o Tribunal de Contas do Estado apontara somente 7 irregularidades, entre elas limitação de concorrência , requisito indispensável no processo, para garantir o máximo de eficiência e o menor custo da obra , o requerimento foi  negado, ou seja, os vereadores ligados ao prefeito não queriam investigar nada.
A ONG AMASA, requisitou ao Tribunal de Contas as informações,e analisando as  documentações conseguiu identificar mais inumeras irregularidades, agora além de eleitores fantasmas temos bocas de lobo fantasmas, super faturamentos e outras irregularidades.
A denuncia foi encaminhada aos vereadores, será parte da pauta e esperamos ação, pois o povo não quer mais impunidade e obras mal feitas.

O Legislativo de Analândia consome R$ 500.000,00 todo o ano e nada estamos vendo além de completa subserviência ao poder que deveria fiscalizar.

Pedimos aos vereadores  que atenham aos fatos, fiscalizem , punam a quem de direito, caso contrário estarão assumindo o erro, bem como suas consequencias, que não serão poucas e nem brandas.

Vamos protestar Unidos por Analândia

"O quadro Proteste Já mostra problemas gerais em comunidades de todo o Brasil. Obras públicas não finalizadas, transporte precário, mau atendimento." Em vista disso, venho por meio deste pedir encarecidamente que vocês façam uma matéria em minha cidade.


Moro atualmente em Bauru pois faço faculdade aqui, mas nasci e cresci em Analândia - SP, e minha família toda é de lá. É uma cidadezinha muito charmosa no interior de São Paulo. Possui apenas 3.488 habitantes (IBGE - nov/2000), é uma Estância Climática, com muitos lugares deslumbrantes e paisagens naturais maravilhosas que atraem muitos turistas.

Entretanto, em meio a tantas coisas boas, a corrupção, assim como em outras cidades, também aqui se faz presente, acontecendo já há muitos anos. Os moradores de Analândia vivem num absurdo CORONELISMO, onde a VINGANÇA POLÍTICA é coisa normal no dia-a-dia dos Analandenses, ameaças e perseguições contra todos que estão do lado da oposição.

A fiscalização é muito difícil de ser exercida pois o Excelentissimo Prefeito nega a acessibilidade dos documentos referentes a prestação das contas públicas do municipio, sendo possivel somente o acesso aos balanços, que no entanto, são insuficientes para analisar o exercício do controle social da Administração Pública (mas mesmo nesses balanços encontram-se muitas irregularidades).

O fato ocorrido na última terça-feira, 25/05, deixa ainda mais suspeitas, pois foi feito uma denúncia, com pedido de cassação do Prefeito Luiz Antonio Ap. Garbuio, devido a essa negação da Prestação de contas do exercício de 2009, que é um direito previsto no Artigo 49 da lei Complementar 101/2000, e os vereadores recusaram o  apuramento da denúncia com 5 votos contra 3.

Por muito tempo os cidadãos ficaram quietos por medo ou comodismo, mas muita coisa mudou, uma ONG de controle social ( Amigos Associados de Analândia - AMASA ) foi fundada na cidade a fim de acompanhar a gestão dos bens públicos.

Pode-se encontrar muitos exemplos do que citei no Blog Unidos por Analandia (http://unidosporanalandia.blogspot.com/.

Só para ajudar, alguns links que falam sobre algumas irregularidades:

- Papelaria que vende Carne: http://unidosporanalandia.blogspot.com/2010/05/relacao-dos-contratos-aditamentos.html

- Risco de perder o título de Estância Climática: http://unidosporanalandia.blogspot.com/2010/01/sos-estancia-climatica-de-analandia.html

- Irregularidades em uma obra pública: http://unidosporanalandia.blogspot.com/2010/05/avenida-8-o-que-os-vereadores-vao-fazer.html

- http://unidosporanalandia.blogspot.com/2010/05/nao-e-excecao-e-regra-os-desmandos-que.html

Entre tantos outros absurdos isso é um pequeno exemplo do que estamos vivenciando. Chega a ser sarcástico e por isso também, daria uma ÓTIMA matéria para o CQC!

Ficaria extremamente grata se meu pedido fosse aceito, pois a cidade vem sendo comandada por essa mesma família há um bom tempo, e nada muda por lá, mesmo agora com tantas investigações e com o povo cobrando a transparência que lhes é de direito. É revoltante assistir a tudo isso calado, o povo de Analãndia está NECESSITANDO de qualquer resposta que seja para essa luta contra a corrupção.

Conto com vocês!

Obrigada desde já. 

A Equip do  Blog Unidos por Analândia agradece a cidadã que teve esta iniciativa e lembra que o blog é de todos, vamos nos Unir e trabalhar por nossa cidade.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

PRESIDENTE DA CÂMARA LEANDRO SANTARPIO SE MANIFESTA !

PARABÉNS AO BLOG PELA COBERTURA DOS TRABALHOS DA CÂMARA MUNICIPAL, DE FORMA IMPARCIAL MOSTRANDO AS PALAVRAS E OPINIÕES DE TODOS OS VEREADORES.



A RESPEITO DA SENHORA PAULA MUNHOZ, FICA AQUI PUBLICAMENTE MINHAS HUMILDES E SINCERAS DESCULPAS PELO OCORRIDO, POIS VÁRIAS PESSOAS ESTAVAM SE MANIFESTANDO E TENTANDO ATRAPALHAR OS TRABALHOS, POSTERIORMENTE POR NÃO CONSEGUIR INDENTIFICAR MAIS QUEM ERA, QUEM QUE ESTAVA SE MANIFESTANDO, DECIDI REGIMENTALMENTE EVACUAR RECINTO.


A RESPEITO DA EVACUAÇÃO DO PÚBLICO DO PLENÁRIO, É LAMENTÁVEL QUE TODOS TIVERAM QUE PAGAR POR MEIA DÚZIA DE “BADERNEIROS”, MAS ESTÁ PREVISTO EM REGIMENTO INTERNO DA CÂMARA CONFORME SEGUE ABAIXO:



TITULO X

DA POLÍTICA INTERNA

DOS ASSISTENTES

Artigo 146) O policiamento do recinto da Câmara compete ao Presidente da Câmara e será feito por seus funcionários, podendo ser requisitado elementos das corporações civis e militares para manter a ordem.

Artigo 147) Qualquer cidadão poderá assistir às Sessões da Câmara desde que:

I - Apresente-se decentemente trajado;

II - Não porte armas;

III - comporte-se em silêncio, não interferindo nos trabalhos.

Parág. 1° - A não observância do disposto no “Caput” deste Artigo, implicará na retirada do infrator.

Parág. 2° - Havendo necessidade, poderá o Presidente determinar a evacuação total do recinto.

Artigo 148) Se no recinto da Câmara for cometido qualquer infração penal, o Presidente fará a prisão em flagrante, apresentando o infrator à autoridade competente.



Obrigado pelo espaço e compreenção de todos,


LEANDRO EDUARDO SANTARPIO

PRESIDENTE DA CÂMARA

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Vereadores de Analândia se recusaram a apurar denuncias contra o Prefeito, mais uma vez a Blindagem entrou em ação.

Um cidadão de Analândia, preocupado com o que vem acontecendo,  falta de informações e com os desmando da Administração Pública, formalizou uma denuncia na Câmara, sendo que os vereadores por 5 x 3 disseram não a denuncia, ou seja, não querem ao menos apurar.
O vereador Balerini em sua palavra recomendou aos vereadores que acolhecem e apuracem a denuncia, que é a função dos vereadores. Salientou o direito a ampla defesa  e  do contraditório, respeitando assim o direito do Prefeito.
O vereador Nalim disse que a atual administração e a anterior estão sob grande suspeita de irregularidades, e que a cada dia aumenta mais, devido a forma que estão escondendo  as informações, direito constitucional do cidadão.
O fato é,   quem não deve não teme.
 O  presidente Leandro Satarpio disse também que recebeu da Amasa um pedido de investigação das irregularidades da av.8  e que irá tomar as medidas cabíveis.
Vamos em frente, atentos a cada capítulo.

SESSÃO DA CÂMARA DIA 25/05

Muitas pessoas ficaram do lado de fora, o prédio da Câmara Municipal ficou pequeno.



A sessão contou com policiamento e foi filmada a pedido da ONG AMASA.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Sessão na Câmara dos Vereadores!

Hoje tem sessão na Câmara dos vereadores, às 19:00.

COMPAREÇAM, VAMOS FAZER A NOSSA PARTE.

Para que o mal prevaleça, basta que os bons nao façam nada.
( Edmund Burke)

domingo, 23 de maio de 2010

O projeto ficha limpa foi aprovado, será dessa vez que o Brasil se posiciona no Ranking da moralidade pública ?

O festival de Corrupção observado pela população brasileira levou a um dos meiores movimentos já visto na história da democracia.
O povo e as instituições se uniram para exigir integridade a quem se diz defensor dos interesses e do dinheiro público.

Jornal Regional 22-05-2010

Vereador Adriano Bezerra disse ser a favor do aumento do salario dos funcionários públicos, mas se absteve na votação pois não assina cheque em branco

EM RELAÇÃO AO MEU VOTO NA SESSÃO EXTRAORDINARIA DO DIA 20 DE MAIO, SOLICITEI QUE O PL 01/2010, FOSSE ENCAMINHADO AS COMISSÃO, POIS O MESMO FOI PROTOCOLADO NA CÂMARA MUNICIPAL NO DIA 19 DE MAIO, SENDO QUE NÓS VEREADORES TIVEMOS APENAS 24 HORAS PARA ANALISAR A MATÉRIA DO PL SENDO IMPOSSIVEL A ANALISE NESTE TEMPO, SOU A FAVOR DO AUMENTO SALARIAL DO FUNCIONALISMO PUBLICO, POIS HÁ 10 ANOS ESTAVA DEFASADO, MAS DEVIDO AO CURTO TEMPO QUE TIVE PARA ANALISAR O PL, SE TORNOU IMPOSSIVEL A VOTAÇÃO FAVORAVEL DE UMA MATÉRIA QUE NENHUM DOS NOBRES COLEGAS VEREADORES SIMPLISMENTE CONSEGUIRAM PELO MENOS LER TODA A REDAÇÃO, PARA MIM SERIA COMO ASSINAR UM CHEQUE EM BRANCO AO EXECUTIVO MUNICIPAL, TAMBÉM RESPONDENDO A COMENTÁRIOS SOBRE MINHA EXPLANAÇÃO NA PALAVRA LIVRE, JUSTIFIQUEI QUE SOU FAVORAVEL AO AUMENTO SALARIAL, MAS QUE NAQUELE MOMENTO FOI IMPOSSIVEL VOTAR UMA MATÉRIA COM TANTA FALTA DE TRANSPARÊNCIA, POIS PUDE PERCEBER NITIDAMENTE O ZÉ PRECIONANDO PARA QUE O PL FOSSE APROVADO NA MESMA DATA QUE FOI DELIBERADO.

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Após dez anos de defasagem salarial, funcionalismo público de Analândia -SP receberá aumento

A Câmara Municipal de Analândia aprovou, nesta quinta feira, o Projeto de Lei que reorganiza a estrutura administriva e consolida a legislação pertinente pelos servidores públicos municipais, que se fizeram presentes na hora da votação, já que também tratava do tão esperado e justo aumento salarial.

 Por duas vezes os atuais vereadores  pediram ao prefeito o aumento e após 10 anos sem reajuste  salarial e muita  luta e paciência conseguiu-se o reajuste.

Neste último ano a população tem se conscientizado sobre seus direitos de reinvidicar  e a ONG Amasa é um bom exemplo, onde cidadãos se  unirão para lutar por um vida melhor aos  Analandenses, combatendo a corrupção, fiscalizando a boa aplicação do dinheiro público em todos os setores, lembrando que o maior problema da corrupção é a falta de dinheiro para o pagamento de ações básicas como o funcionalismo público. 

A ONG Amasa está muita satisfeita com esta conquista por parte dos funcionários públicos  pois este fato reflete diretamente na conscientização do povo em fiscalizar os recursos e não permitir que os governantes façam mau uso do dinheiro publico, resumindo quanto mais fiscalização por parte de nós moradores,  mais dinheiro sobrará  para melhorias como esta do salário dos funcionários.

Durante a sessão o vereador Nalin solicitou que o projeto fosse encaminhado as comissões permanentes para uma analise mais detalhada, pois todos os vereadores tomaram ciência do referido projeto de lei, somente no final da tarde de ontem (dia 19/05/2010) com centenas de páginas e a votação ocorreu hoje (dia 20/05/2010). Esta analise seria necessária para garantir mais direitos aos funcionários públicos municipais, pois no projeto de lei aprovado no dia de hoje não consta a data base de reajuste salarial, nem ao menos o repasse da inflação dos anos anteriores, garantia de pagamento de insalubridade aos cargos que fizerem jus a este adicional, bem como fosse garantido o direito já adquirido à promoção horizontal aos funcionários que tinham tempo para serem promovidos, previsto na lei anterior e não aplicada pelas últimas administrações municipais.

O Vereador Rodrigo Balerini, que votou a favor do projeto, também está de acordo com relação ao fato de que os vereadores deveriam ter  mais tempo para analisar minuciosamente o projeto, por se tratar de um tema que terá um impacto direto na vida dos centenas de servidores públicos e seus familiares. O Vereador Adriano também argumentou a falta de tempo para análise do projeto e achou muito merecido o reajuste dos servidores.

O Presidente da Câmara Leandro Santarpio, elogiou a votação dos vereadores, pois realmente o salário estava bem defasado e os servidores precisavam de aumento. Santarpio disse que no ano passado fez a reestruturação dos funcionários da câmara, aumentando o salário dos funcionários da casa  , fato que contribuiu para o aumento do funcionalismo da prefeitura. Completou dizendo que o alto número de cidadãos na câmara  tem contribuído para estas mudanças.

QUEM PAGA A CONTA É VOCÊ!


A maioria desses débitos contraidos pela Prefeitura Municipal são ações judiciais movidas por ex funcionários que sofreram assédio moral e perseguição!

E agora, quem vai pagar a conta?

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Polícia Reconstitui atentado em Analândia


Ontem dia 17, na praça central acorreu a reconstituição do atentato ao membro da Ong Amasa,  o  funcionário Batista tentou atropelar Vanderlei Vivaldini Junior, jogou a Kombi em sua direção.
Todo o aparato policial, delegado Haroldo Cesário Diniz , policia científica e o investigador Adilson .
As ruas foram impedidas, e 4 testemunhas mostraram suas versões, tudo fotografado de perto pela polícia científica.
O fato é que as coisas em nossa cidade estão tomando um rumo melhor e nada vai passar desapercebido, muito menos um fato como este que demonstrou grande descontrole do funcionário público Batista, que além de descontrolado é mal orientado , pois na hora dos fatos disse para Vanderlei , " o promotor já te proibiu de fotografar " ,  uma grande falta de informação, pois o promotor Fernando nunca disse isso,  ele disse "  o cidadão tem todo o direito de fotografar obras públicas, e prefeito não é dono da cidade", lembrando muito bem o promotor , que complementou dizendo " prefeito é administrador".

Somente para relembrar, no dia dos fatos o secretário da Ong Amasa estava acompanhando o trabalho dos funcionários da prefeitura, estes estavam arrumando o encanamento de esgoto rompido pela empresa que executa a obra de base da cobertura do calçadão, a Empresa Paraná Estacas , deixou o trabalho para os funcionários da Prefeitura.  Como pode uma empresa, perfurar o solo, sem ao menos saber se tem cano, ou ao menos olhar o mapa de esgotos, e o que é pior deixar os reparos do erro para a prefeitura.

ESCOLHA A SUA ATITUDE!

Gostaria primeiro de apresentar o que o dicionário Silveira Bueno diz sobre alguns termos que usarei na postagem abaixo.

DEMOCRACIA: Forma de governo na qual o PODER emana do POVO e em nome dele é constituído; SOBERANIA POPULAR; IGUALDADE.

SOBERANIA: Qualidade de soberano; poder supremo; autoridade de soberano ou príncipe; autoridade moral; propriedade de um Estado que não depende de qualquer outra potência.

SOBERANO: Que exerce o poder supremo sem restrição nem neutralização; supremo; magnífico; altivo; imperante; que exerce o poder soberano.

Segundo a Constituição Federal de 1.988, estão entre os princípios fundamentais do Estado Brasileiro, quanto a forma de organização do nosso Estado, o ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO (art.º 1º - A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:), quanto ao nosso regime político, temos o princípio da SOBERANIA POPULAR (art. 1º - I – a soberania;), quanto a nossa representação política deve ser através da PARTICIPAÇÃO POPULAR DIRETA (art.º 1º Parágrafo único – Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.)

Dessa forma, foi dado ao POVO o direito a participação nas decisões políticas e administrativas do Estado. Participação popular. Será que há algum a semelhança com o que vem ocorrendo em Analândia há pouco mais de um ano???

Há anos Analândia vivia presa a um modelo de controle político e social que baseava-se no coronelismo, símbolo de autoritarismo e impunidade; conjunto de ações políticas de latifundiários (chamados de coronéis) em caráter local, regional ou federal, onde se aplica o domínio econômico e social para a manipulação eleitoral em causa própria ou de particulares. Fenômeno social e político típico da República Velha, caracterizado pelo prestígio de um chefe político e por seu poder de mando. (Wikipédia)

O povo vivia em estado de dormência latente, por comodismo, medo ou muitas vezes por interesses egoístas de oportunistas.

Há pouco mais de um ano essa situação mudou. O que vemos é um povo cansado das perseguições, das de injustiças e de assistir calado as falhas na administração pública municipal.

Pessoas fiscalizando, controlando, cobrando de seus representantes políticos (prefeito, vice-prefeito e vereadores), uma participação efetiva e legítima das suas reais funções dentro de seus cargos públicos. Mesmo que muitas vezes a DEMOCRACIA não seja seguida a risca em Analândia.

É dessa participação popular que falo, desse povo que exerce sua soberania popular para o bem coletivo. São essas pessoas que devemos apoiar e motivar cada dia mais, mesmo que o processo pareça lento, pois nos dão a esperança de uma Analândia melhor. “Um por todos e todos por um.” Sempre!!!

Não vamos desistir NUNCA!!! Façamos a nossa parte!!!

Parabéns a todos que nunca desistiram de lutar por Analândia, e é UNIDOS POR ANALÂNDIA que conseguiremos fazer de nossa cidade uma cidade melhor!!! Eu tenho orgulho de ser Analandense de coração!!! E tenho orgulho do verdadeiro povo de Analândia, que luta por seus direitos e exerce sua cidadania da melhor forma possível.

Pra finalizar, deixo uma mensagem para reflexão de um grande líder popular, Mahatma Gandhi: “Para que o mal vença, basta que os bons cruzem os braços...” Escolha a sua atitude!!!
 
Este post foi enviado por um de nossos colaboradores.
 
A equipe do Blog agradece Liana Morisco!

segunda-feira, 17 de maio de 2010

O Joio e o Trigo

A Parábola do Joio e do Trigo


(Mt 13:24-30)

A Parábola do joio demonstra que um dos aspectos do Reino de Deus é o Juízo, e que o juízo está reservado a autoridade divina, e não ao julgamento humano. O joio é uma erva daninha (quando nasce espontaneamente em local e momento indesejado, podendo interferir negativamente na agricultura), também chamada cizânia, cuja folha se parece com a do trigo, mas a que pode ser distinguida na época da ceifa, quando o trigo revela seu verdadeiro valor, produzindo o cereal comestível.

Esta parábola pode nos ensinar muito, sobre vários pontos e um deles é o fato de  confundir, não saber separar o bem e o mal, mas com o passar do tempo  se torna visível  a diferença e vem a colheita, onde teremos a separação, o certo do errado.

Justiça

""Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus."" Tg 1.20

O COMBATE À CORRUPÇÃO



Alguns integrantes do Conselho de Administração da Amarribo reuniram-se em São Paulo, para elaborar e revisar o novo texto da 5ª edição da Cartilha de Combate à Corrupção, que será lançada em breve. Na realidade alguns dados serão atualizados, e claro, mais dicas de como cassar um administrador corrupto. Mais de 140 mil cartilhas já foram distribuídas por todo o país e algumas até mesmo fora dele. A Rede Amarribo conta hoje com mais de 190 Ongs que trabalham com os mesmos propósitos, entre elas a AMASA.
Quem se interessar pela cartilha é só contatar um dos membros da AMASA.
Informação é poder!

Ação Civil Pública do MP volta a afastar o prefeito de Bariri

Uma nova ação civil pública movida pelo Ministério Público resultou novamente no afastamento do prefeito de Bariri, Benedito Senafonde Mazotti, por fraude na compra de medicamentos para rede pública de saúde. Além do prefeito, foram afastados o ex-diretor municipal de Saúde, Claudocir Maccorin, três servidores públicos e os dois proprietários de uma farmácia.

Segundo investigações feitas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) – Núcleo Bauru, a farmácia emitia notas fiscais de venda de medicamentos à Prefeitura, que pagava os valores das notas, apesar dos remédios não serem entregues. Depois, os valores pagos indevidamente eram desviados em favor da quadrilha.
Os promotores do Gaeco constataram, ainda, que a farmácia venceu a licitação propondo-se a pagar preços iguais ou inferiores aos custos dos medicamentos. Além disso, a farmácia nunca comprou medicamentos nas quantidades que vendeu à Prefeitura, e que não existem receitas retidas em número compatível com a quantidade de medicamento controlado comprado pelo Município. De acordo com o que foi apurado, cerca de R$ 177 mil foram pagos indevidamente pela Prefeitura de Bariri em um prazo de apenas 40 dias.
A ação civil busca a condenação dos membros do esquema pela prática de atos de improbidade administrativa que importaram em enriquecimento ilícito, causaram prejuízo ao erário e violaram princípios da administração pública. Em razão das provas apresentadas, a Justiça de Bariri deferiu, na última quarta-feira (12), o afastamento cautelar de todos os agentes públicos, inclusive do prefeito Benedito Senafonde Mazotti. A Justiça também proibiu, liminarmente, que a farmácia faça qualquer tipo de transação comercial com o poder público.
Além da ação civil pública, o promotor Luciano Gomes de Queiroz Coutinho ofereceu denúncia (acusação formal à Justiça) contra todos os acusados, à exceção do prefeito, em razão do foro privilegiado, por prática dos crimes de fraude a licitação, peculato, falsidade ideológica, dispensa irregular de licitação e formação de quadrilha.
No ano passado, o MP já havia conseguido afastar do cargo o prefeito de Bariri por causa de um esquema de desvio de remédios para favorecer eleitoralmente o presidente da Câmara Municipal. O prefeito, entretanto, recorreu e conseguiu reassumir o cargo.


Fonte: Ministério Público

http://www.mp.sp.gov.br/portal/page/portal/noticias/publicacao_noticias/2010/Maio_10/Ação%20Civil%20Pública%20do%20MP%20volta%20a%20afastar%20o%20prefeito%20de%20Bariri 

domingo, 16 de maio de 2010

sábado, 15 de maio de 2010

Avenida 8 , o que os vereadores vão fazer ? Nada ?

Tribunal de contas apontou 7 irregularidades, tem irregularidade em tudo, até limitaram  a concorrência,  e o Ministério Público foi informado .  A Ong Amasa  fiscaliza e aponta mais diversas irregularidades, veja algumas.

 As  palmeiras deveriam ser plantadas com 4.5 à 5 metros, e hoje não tem 4 metros,  as maiores, e  preço R$200,00 cada.  Tem 60 palmeiras, preço atual R$50,00.
Grama esmeralda  preço pago na época R$ 10,60  m² , orçamento atual  R$ 5,00 o m², plantado e com matéria orgânica.

Poço de vistoria de 1959,tem apenas  51 anos de idade, e  a avenida deveria ter 6 novos poços e só tem 1 novo de 2007, faltam 5. Preço  R$1.550,00 cada.

Poste e iluminação, R$ 1.760,00 cada, tem 30 postes, esta bom o preço ?
Bocas de lobo, R$ 1.050,00 cada, este já se foi, tem garantia ? Deveria ter 41 , só tem 14.

Os vereadores vão achar os culpados e punir, ou irão aprovar as contas sem ver? vão ser cumplices deste assalto aos cofres públicos?
Chega de fechar os olhos, vereadores devem  se manifestar , ou irão pagar pelo erro dos outros?
Agora já sabem algo mais, vamos agir ?



sexta-feira, 14 de maio de 2010

Sociedade Organizada



As formigas formam  níveis  avançados de sociedade e são muito organizadas . É o gênero animal de maior sucesso na história terrestre, constituindo de 15 a 20% de toda a biomassa animal .
São insetos e no entanto podem nos ensinar muitas coisas, veja as fotos acima que foram tiradas da praça de nossa cidade, existem inúmeros formigueiros, em frente ao Bradesco e por toda a praça, mas em níveis elevados podem ser consideradas pragas pois danificam as culturas e as plantas dos jardins.  
Como sugestão a equipe do Blog colocou esta matéria para que talves os professores  possam usar esta idéia ao ar livre para fazer uma aula prática  e bem divertida para os alunos.


Projeto ficha limpa

O lider do governo no Senado Romero Jucá, disse para a imprensa que " o projeto não é prioridade para o governo é prioridade para o povo" ,  isso  demonstra o descomprometimento de certos  políticos com o povo, mas  Pedro Simon , veementemente rebateu e disse  " como pode um projeto de prioridade do povo não ser prioridade para o governo ?´

O direito do Contraditório, Blog está aberto para ouvir.

A justiça Brasileira presa pelo direito do contraditório, ou seja, qualquer acusado tem o direito de se defender, o que é justo, e ninguém está acusando , está somente divulgando documentos oficiais que falam por si, ninguém está inventando.

A Equipe do Blog Unidos por Analândia está aberto a ouvir as pessoas citadas, pois este espaço é de dialogo, na coluna da direita está o perfil do Blog a mais de 1 ano, que fala sobre o direito de respostas das pessoas citadas. O email do Blog é  :  cidadeanalandia@yahoo.com.br

O caso de investigação das denuncias em  Analândia,  ao contrário do que pode parecer está correndo calmamente, ou seja, a ONG e seus integrantes  pedem documentos para a prefeitura a mais de um ano, tudo em vão, negam, ficam com palhaçada para os cidadãos  desistirem, e o resultado é este, as acusações estão começando, se continuarem  a negar o direito do cidadão a informação, que já é uma improbidade e um forte indício de irregularidades  as  coisas só irão piorar .

O povo só quer as notas fiscais, é muito ?  Não,  é um direito do povo e direito não se dá , se respeita.

Não é exceção é regra os desmandos que acontecem em Analândia -SP

Os erros em nossa cidade já não é exceção é regra, tem erro em tudo, advogado erra e confunde o inconfundível, presidente da câmara erra e contraria as regras que ele deveria impor e fazer cumprir, prefeito não manda notas fiscais e está fora da lei, obras que deveriam durar 20 anos duram 1 ano e gastamos mais dinheiro do povo, gastamos R$ 1.800.000,00  para tratar esgoto  e despoluir rios e continuamos poluindo.

Gastamos dinheiro e construimos um aterro sanitário, e não usamos, agora  contratamos o caminhão do primo para levar para Guatapará R$ 77.000.00 mais custo de aterro do aterro em Guatapará.

Vamos analisar a  avenida 8, o Tribunal de contas apontou sete irregularidades,os vereadores se recusaram a fiscalizar, votaram contra a exibição dos documentos, tem irregularidade na licitação , no contrato , no aditivo , em tudo.  O projeto e a execução não tem nada a ver, deveria ter 41 bocas de lobo (custo R$1.050,00 cada) e só tem 14, sendo que o custo não ultrapassaria R$ 300,00, o que mais se espera ? Superfaturou em 350 %  , pouco não é ?
Poste que custou R$ 1.760,00 cada, é um assalto, roubo de dinheiro público é só ir lá na Av 8 e conferir.
 O caso está insustentável, e parece que o chefe do sistema já percebeu e está a todo o vapor, pois sabe que a casa caiu e quer salvar o máximo de R$ possíveis, pois irá precisar para se livrar da cana.

Vereador ganha R$ 1.800,00 e não fiscaliza nada, fica roçando pasto.
Prefeito ganha R$  8.500,00 e fica andando de mula em hora de serviço.
Vice ganha R$ 4.000,00 para fazer o que ?
Chipa R$ 3.000,00 para fer o que ?

Quem trabalha na prefeitura de Analândia ganha:

 Quem trabalha ganha R$ 500,00 por mês de sol a sol, e não pode abrir a boca.

Analândia é caso de Polícia Federal, os limites foram ultrapassados, estrapolados.



Documento que demonstra cronograma físico e financeiro da av 8, documento enviado pelo tribunal de contas do estado para a ONG Amasa, e  Ana Alexandrina Braga de Oliveira em 10-09-2007 atestou que confere com o original. Dá medo só de ver a assinatura dela.
Vereadores , vão fiscalizar e fazer alguma coisa ? Ou vão ficar disfarçando que tudo está certo.
 A denuncia está feita, agora sabem um pouco mais do que acontece e não podem se calar.

Chega de pasmaceira, cumpra-se a Lei

http://pminhoco.wordpress.com/ disse...


O que era esperado já está acontecendo.A população não tem mais saco para aguentar esta pasmaceira que acontece na e gregia e fajuta casa de Leis de Analandia. Fajuta porque não faz cumprir a sua principal função que é fiscalizar um executivo que não executa nada.A sua mesa é formada por covardes, alguns canalhas, outros safados e assim por diante... Não temos espaço para somente a boa vontade do Presidente que educadamente se confunde como servidor dessa palhaçada administrativa e se vê ameaçado pelos "capos" dessa mixuruca mafia caipira. Senhor Presidente, o seu cargo é para ser respeitado se v.s. respeitar as suas competencias. ...Se não consegue peitar os desmandos da caterva que lhe assedia....nos compreenderemos....Presidir uma camâra legislativa precisa de coragem.


Veja mais este desabafo de um cidadão, a população não aceitará mais falta de ação, não acreditamos mais em conversa fiada, queremos ação.
O povo não quer mais corrupção e vai lutar até o fim .

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Incompetência com aval da Câmara dos vereadores

Cidinha Marcondes disse...


"Sr. Presidente da Câmara até quando fará vistas grossas com o ex prefeito José Roberto Perin, este só vai a sessão da câmara para pertubar, instigar os "pobres" funcionários que sabemos que estão ali forçados, alem dos asseclas pois o mesmo é tão covarde que precisa da "proteção" destes. Na última sessão este pertubou tanto e só o senhor não viu, porque não quis. Chega os erros que aconteceram na liturgia do cargo. Estou tão chocada com que vi na ultima sessão, rolou de tudo inclusive ofensas e ameaças. "

Este desabafo de Cidinha Marcondes, representa o sentimento de grande parte da população Analandense, que já sabe o que acontece, querem enrolar o povo, pois a sessão da câmara é uma desordem com direito a palhaços e com o aval do presidente da câmara, que inicia as sessões usando o nome de Deus em vão, pois Deus quer justiça e não se agrada de injustiça.

O que precisamos é do cumprimento das leis, estas não estão sendo cumpridas. A prestação de contas deveria estar a disposição de qualquer cidadão na câmara e não está. Os vereadores aprovaram as contas de 2007, e não viram os erros, ou seja, a prefeitura é incompetente, sua advogada reconheceu ,  não consegue diferenciar papelaria de açougue, sendo que os vereadores concordaram e aprovaram. Correto ? As contas de 2007 foram aprovadas, nem ao menos tiveram curiosidade de ler.

Ana Alexandrina, advogada que reconheceu o erro em horário nobre na tribuna da câmara, disse:  " a nota está a disposição de qualquer cidadão lá na prefeitura ", mas até agora e após duas tentativas frustradas os vereadores Nalim e Balerini não tiveram acesso a nota fiscal, mais um desrespeito e ilegalidade.

Erros acontecem com amadores e com incompetentes, o que não deveria ser o caso da Adv da Prefeitura, o  que ela escreve não dá para acreditar e nem ao menos o que fala?

Abolição da Escravatura - Lei Áurea

Isabel Cristina Leopoldina Augusta Micaela Gabriela Gonzaga de Bragança, a Princesa Isabel, nasceu no palácio de São Cristóvão, na cidade do Rio de Janeiro no ano de 1846. Tornou-se a herdeira do trono brasileiro, após a morte prematura do irmão mais velho.

Filha de D.Pedro II, passou para a história do Brasil como a responsável pela assinatura da Lei Áurea, que aboliu a escravidão no Brasil, em 13 de maio de 1888.

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Membro de ONG que combate a corrupção sofre ameaças em Analândia- SP


João Sodelli  e o José Roberto Perin ameaçaram perseguir  e prejudicar o secretário da ONG Amasa  Vanderlei Vivaldini Junior em plena sessão da câmara dos vereadores de Analândia,  o fato  gerou Boletim de Ocorrência  .  Ameaça a membro da Ong é recorrente e desencadeará  mais uma ação judicial.
João Sodelli marido de Claudia Novisk Sodelli dona de uma  papelaria na cidade, atribuiu culpa à Vanderlei  por escandalo envolvendo a prefeitura de Analândia e  papelaria de sua esposa , pois documento oficial da prefeitura divulgado pela Ong dizia que papelaria de Claudia teria vendido carne a prefeitura.
Na mesma sessão a funcionária da prefeitura Ana Alexandrina, assumiu a culpa e disse ter sido erro de digitalização, fato difícil de crer, devido tamanho erro apresentado em documento oficial com timbre da prefeitura, fato também que não se resolveu pois a referida nota fiscal não foi apresentada, nem pela prefeitura e nem ao menos pela papelaria que nega o fato.
Este documento encontrava-se na câmara, nos balancetes de 2007 e nenhum vereador observou tamanho erro, aliás tem até vereador que assumiu ter aprovado as contas de 2007  sem  ao menos à ter  visto.
Este caso retrata um pouco da incompetência do poder público da cidade, o fato é gravíssimo e alguns cidadãos acham uma falta de respeito, estão brincando com o povo e  isto é uma incompetência sem tamanho.

Cidadão Requer abertura de processo de cassação do Prefeito de Analândia Luiz Antonio Aparecido Garbuio







Pedido protocolado ontem as 17:00hs na Câmara dos vereadores de Analândia como Presidente Leandro Eduardo Santarpio

Merenda escolar em 2009 - Analândia-SP município com 4. 100 habitantes

Documentos oficiais revelam que merenda escolar custou aos cofres públicos em 2009 algo em torno de R$700.000,00 e  falaremos assim pois temos ainda os pães que eram produzidos pela padaria pública  e faziam parte do cardápio .
Até  o início de abril a merenda servida era pão( padaria do município), mortadela , suco em pó com água e 1 maçã, alimentação simples e até pouco recomendada para estudantes, como apontou ONG Amasa em visita à Escola Zezé Salles.
Especialistas no assunto, dizem que a merenda escolar é o termometro da corrupção no município, e casos semelhantes a esse,  revelaram grandes desvios de dinheiro público.
O controle social esta sendo feito, o objetivo é melhorar a vida do cidadão.

Sessão da Câmara 11 de maio de 2010.

A sessão foi bem agitada e democrática, cada qual pode dentro do regimento da casa se expressar. O caso de mais discussão foi o da papelaria, onde um documento oficial da prefeitura demonstra que papelaria teria vendido carne para a prefeitura.A papelaria negou ter vendido e a prefeitura assumiu o erro, conforme documento lido na sessão por Ana Alexandrina, que é funcionária e assumiu o erro.
Os vereadores também discutiram sobre o pronunciamento que Ana Alexandrina fez na tribuna, com o consentimento do presidente Leandro Santarpio, sendo que o regimento não permiti, fato que  Santarpio reconheceu observação feita pelo vereador Nalim.
Ana Alexandrina posteriormente foi retirada sob força policial, devido ao tumulto que causou ao tentar se pronunciar novamente e interferindo na sessão, fato que Santarpio não aceitou, e com todo o direito.
Outro fato que chamou a atenção foi que a prefeitura retirou o projeto que  proibia o trafego de caminhões na cidade, caso que Nalim classificou como demonstração de incompetência do poder público. Pois como uma cidade vai sobreviver sem caminhões?  Até a prefeitura teria que parar seus caminhões.
Teve também uma  votação secreta, que em outra ocasião e votando aberto se contráriou o regimento da casa, e o fato é que 5 vereadores anularam o voto e 4 vereadores votaram não ao veto do prefeito, que vetava informações ao cidadão, ou seja, o prefeito vetou o  projeto que o obriga  a  colocar a tiragem e o valor gasto em qualquer publicação oficial , sendo que um vereador mudou o voto. Quem será? Na prática o prefeito não quer prestar contas de seus atos, certo?  Se assim não fosse  por que vetaria?
A tribuna livre foi ocupada por Minhoco e Paula Munhoz, dois guerreiros que lutam por uma Analândia melhor, e já são classificados  como porta voz do povo.
 A força policial sob o comando do Sargento Marquezelli , Soldado Wiliam e Serginho, sempre atentos  dispostos a informar e manter a ordem,  a  ordem reinou, mesmo em meio a tanta rivalidade.
A casa estava lotada, o que demonstra grande interesse popular no rumo da cidade, parabéns mais uma vez ao povo.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Relação dos Contratos Firmados - Exercício 2009 Item XIV


Clique na imagem acima para visualizar, este e os demais documentos abaixo estão disponíveis na Câmara Municipal de Analândia para qualquer cidadão apreciar.

Relação das Licitações realizadas - Exercício 2009 Item XIV

Clique na imagem para ampliar

Relação das Licitações realizadas - Exercício 2009 Item XIII

Relação das Licitações realizadas - Exercício 2009 Item XIII

Relação das Licitações realizadas - Exercício 2009 Item XIII


Clique em cima da imagem para ampliar!

Visitem:O blog do Minhoco , pminhoco.wordpress.com

pminhoco


09/05/2010 às 21:48

A paciencia com essa corja já acabou. Nunca se viu tamanha afronta ao Estado de Direito como aqui em Analandia. Tudo, mas tudo o que envolve dinheiro público tem safadezas.Analandia faliu na sua politica pública. Faliu no respeito aos velhos e faliu no respeito aos jovens e mulheres.Faliu no respeito ao seu povo. Somos uma cidade que cheira a corrupção, e oque é pior, com anuencia de muitos “cidadãos” considerados insuspeitos. Aqui a papelaria vende carne, o atacadista loca banheiros quimicos, o legislativo vota e depois diz que não vota. O executivo é meramente um boneco, assessorado por um demente eunuco. E infelismente onde falta brio, falta VERGONHA.

sábado, 8 de maio de 2010

Promessas de campanha, vamos conferir ?

Turismo, Agricultura e Agropecuária, Esporte e Lazer, promoção social e meio ambiente.
É sempre bom ter um arquivo e guardar tudo, leia com atenção e compare com a realidade, Boa leitura.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Escola Zezé Salles também homenageou as mães

Alunos e  professores reunidos prestaram homenagem as mães, parabéns a todas as mães  de Analândia.
Crianças apresentaram cântigas para as mães, e
diretora Elen recebeu parabéns especial e homenagem pelo seu aniversário, parabéns Elen por mais este ano de vida e que Deus abençoe  você.

Escola José Benedito Sodeli - Homenagem as mães!

A equipe da Escola José Benedito Sodeli preparou uma linda homenagem para as mamães.
A Secretária de Educação Eliana Peixe Gregoracci parabenizou as mães presentes.

O pátio da escola ficou tomado pelas mães, e muitas se emocionaram com a  apresentação, que foi maravilhosa, o que demonstrou ter havido programação e bastante ensaio.

A equipe da escola realizou sorteio de prêmios, e cada aluno pode presentear sua mãe com flores!

E para finalizar teve  apresentação de slides com  alunos e mamães.
A equipe da escola ainda providenciou um lanche no capricho.  É sempre bom ver a escola e o cidadão juntos, isto certamente surtira efeito positivo.






quinta-feira, 6 de maio de 2010

Prefeitura retira terra de forma indevida e tem que devolver


 Esta semana caminhões e máquina retroescavadeira da prefeitura trabalharam devolvendo terra em terreno na rua 6 do jd Bela vista, o fato é que a prefeitura retirou centenas de caminhões de terra de referida área, para aterrar o posto de combústível na entrada da cidade e agora o proprietário insatisfeito e com toda razão quer acionou a prefeitura, exigindo que devolva a terra que retirou indevidamente de seu terreno.

O caso chamou a atenção dos moradores que registraram o fato , e estão insatisfeito em ver tamanha falta de planejamento e ineficiência, este caso mostra um grande descontrole e falta de idéia,  tirar terra de terreno particular e depois ter que  devolver a terra, milhares  de toneladas de terra.

Queremos que a  prefeitura tenha  mais atenção nestes casos, pois o trabalho de movimentação de terra além de muito trabalhoso, desgastante é  muito caro, e neste caso ainda foi trabalho dobrado, custo dobrado e desperdicio de tempo e dinheiro público.


Não queremos mais estes desmandos, é uma ingerência dos bens públicos, estes fatos não podem se repetir, esperamos que as  pessoas que trabalham neste setor se capacitem, bem como seus superiores, os que delegam funções, pois se mostram incompetentes para exercer tal função e devem ser responsabilizados pelos prejuizos causados.